Conectados e coordenados: serviços customizados para os idosos

A abordagem tradicional de assistência à saúde leva em conta duas premissas: ela serve para tratar doenças e é dominada por um grupo específico de profissionais. Mas a curva de envelhecimento da população e o crescimento das enfermidades crônicas exigem uma abordagem diferente, com foco na vitalidade, no bem-estar e na prestação de serviços integrados e personalizados. 

Este relatório destaca a necessidade de mudar a nossa mentalidade para reformular o ambiente atual e criar meios mais eficazes e inovadores de fornecer serviços para sociedades que estão envelhecendo.