Funding

Fontes de financiamento para projetos futuros, nascentes, estruturados ou para ampliação de produção relacionados a inovação. As principais modalidades podem ser classificadas em: subvenção (não reembolsáveis), coinvestimento e empréstimos com juros reduzidos. 

Os principais órgãos de fomento são: Finep, FAPs (fundações estaduais de apoio à pesquisa), Embrapii e BNDES. De acordo com a modalidade escolhida, pode ser necessário elaborar estudos de viabilidade e business cases. Além disso, a empresa talvez precise participar com contrapartidas e garantias.

Como podemos ajudar?

  • Análise da estratégia de inovação adotada pela empresa e verificação das potenciais linhas de fomento de acordo com: tipo de projeto (inovação, oportunidades para fundos de investimentos e subvenção), montante de investimento, grau de maturação tecnológica e ordem de grandeza da empresa (faturamento, número de funcionários, entre outros critérios); 
  • Apoio na realização de estudos, processo de submissão, acompanhamento das análises até a obtenção do financiamento;
  • Acompanhamento da utilização dos incentivos: atividades, dispêndios, aportes e relatórios.

 

Contatos

Durval  Portela

Durval Portela

Sócio e líder de Consultoria Tributária, PwC Brasil, PwC Brasil

Tel: +55 (11) 3674 2000

Siga-nos