Pesquisa Global de Entretenimento e Mídia 2022–2026

Projeções de cinco anos de dados de gastos de consumidores e anunciantes em 16 segmentos e 52 territórios

Inovação e crescimento em um novo cenário competitivo

Disrupções na saúde pública, nas cadeias de suprimentos e na geopolítica fizeram de 2021 um ano de incertezas. Durante esse período, porém, também foi possível ter maior clareza sobre as tendências gerais do mercado, as forças que impulsionam o crescimento e as dinâmicas que estão alterando a indústria de entretenimento e mídia (E&M) – incluindo o comportamento do consumidor, modelos de negócios, concorrentes e regulamentações.

Nossa 23ª Pesquisa Global de Entretenimento e Mídia oferece uma análise detalhada sobre como essas forças e dinâmicas afetarão 16 segmentos do setor em 52 territórios nos próximos cinco anos. 

Em 2021, a indústria de E&M se recuperou da contração de 2020 para retomar sua trajetória de crescimento, com receitas aumentando a uma taxa expressiva de 10,4%. Prevemos que até 2026 a indústria global de E&M chegará a US$ 3 trilhões em receitas.

No Brasil, o setor deve fechar o ano com quase US$ 33 bilhões em receitas, com um avanço de 8,6%, muito acima da taxa de crescimento de 1,7% prevista para o PIB em 2022 pelo Banco Central. Até 2026, o segmento chegará a US$ 39,9 bilhões em receitas, com um CAGR de 5,7%, superior ao global. Esse resultado é maior do que o projetado para o país no estudo anterior: 4,7% CAGR até 2025.

Crescimento forte, mas volátil

Esse crescimento geral estável mascara uma volatilidade subjacente. A pandemia acelerou as mudanças no comportamento do consumidor e na adoção de recursos digitais de uma maneira que afetará trajetórias de crescimento futuras. Alguns dos setores que obtiveram grandes ganhos em meio à pandemia não serão capazes de sustentar esse crescimento, enquanto outros continuarão a crescer a partir de um patamar mais alto.

O que fica claro com base nos dados e nas previsões é que o vasto complexo de E&M está crescendo mais rapidamente do que a economia global como um todo. 

No relatório deste ano, centramos nossa análise sobre as possibilidades que estão surgindo em virtude das novas dinâmicas entre segmentos e empresas de entretenimento e mídia, dentro de setores específicos e entre regiões de alto e baixo crescimento. Como resultado do estudo, apresentamos as tendências mais recentes dessa indústria, insights e as principais perspectivas para ajudar empresas do setor a traçar suas estratégias para o futuro.

Baixe o relatório

Após um breve declínio em 2020, a indústria de entretenimento e mídia está pronta para um forte crescimento.

Nota: 2021 é o último dado disponível. Os valores de 2022–2026 são previsões.
Fonte: Pesquisa Global de Entretenimento e Mídia 2022-2026 da PwC, Omdia.

Explore a ferramenta de dados

Compreender como os consumidores e anunciantes estão gastando seu dinheiro na indústria de entretenimento e mídia pode ajudar a fundamentar muitas decisões importantes de negócios.

A Pesquisa Global de Entretenimento e Mídia da PwC oferece uma única fonte comparável de dados e análises de gastos de consumidores e anunciantes. Atualizada anualmente, a ferramenta on-line intuitiva permite que você explore e compare facilmente os índices de gastos e de crescimento.

Conheça os recursos da ferramenta

GEMO inline gif

Assine o Outlook

  • 12 meses de acesso a dados e comentários para 14 segmentos em 52 territórios
  • Acesso a painéis e visualizações, incluindo mapas de calor, comparações de crescimento setorial e do PIB e ranking dos dez melhores 

  • Assinaturas corporativas para vários usuários




Usuário único

  • Todos os 14 segmentos
  • Um ano de acesso para usuário único
  • Pagamento com cartão de crédito e acesso instantâneo
US$ 3.900
Assine

Corporativo – Sob consulta

  • Um ano de acesso para vários usuários
  • Entre em contato para informações sobre contrato e pagamento

Contatos

Ricardo  Queiroz

Ricardo Queiroz

Sócio e líder do setor de tecnologia, mídia e telecomunicações, PwC Brasil

Tel: 4004 8000

Siga-nos